domingo, 12 de fevereiro de 2017

Dicas para principiantes.

8 Dicas para principiantes 


Olá!
Hoje decidi trazer-vos um post para quem se está a iniciar na fotografia!
Tudo o que está aqui escrito é uma opinião pessoal, e a meu ver são aspectos importantes para quem gosta de fotografia e quer começar.

1 - Não precisas de equipamento de topo.
Se estás a começar provavelmente ainda não sabes muito sobre fotografia, por isso, uma coisa de cada vez... Não precisas logo de ir gastar um dinheirão (ter bom material fotográfico sai muito dispendioso) por isso aproveita para te informares sobre este mundo, e com o tempo vais perceber o que queres fazer e qual o material ideal para ti!
Se tiveres que comprar material para iniciar esta actividade, começa com algo simples e mais barato.

Mas não se esqueçam que o material não faz o fotógrafo!

2 - Informa-te sobre o teu material.
Como é obvio para começares a fotografar vais ter que ter algum material, por isso é importante que o conheças bem, e percebas tudo o que consegues fazer com ele. 
Isso mais tarde vai te ajudar também a perceber se precisas ou não de fazer um update. 

3 - Aprende os princípios básicos da fotografia.
É importante que saibas e domines bem certos termos. Foge do "automático" e aventura-te no "manual"... ISO, distância focal, aberturas, exposição... sabes o que isto significa? 
Alem de perceberes o significado destas palavras é importante que percebas como estes termos funcionam na prática e se relacionam entre eles. 

4 - Procura as tuas inspirações.
Para aprender é preciso ver, por isso é um exercício fundamental, ver muitas fotografias e pesquisar fotógrafos vão te ajudar a perceber o que queres fotografar e os teus interesses.
Por experiência própria, ver trabalhos de outros fotógrafos sempre me incentivou a melhorar, e sempre me inspirou a criar fotografias.


5 - Treina vários tipos de fotografia ate descobrires o que mais gostas.
A não ser que já tenhas um gosto definido, no início fotografa de tudo um pouco, isso vai-te ajudar a perceber quais são as tuas preferências.
Eu já fotografei várias coisas e já sei o que gosto realmente de fazer, e o que definitivamente não gosto.

6 - Foca-te nisso!
Se descobrires a/as tuas preferências, foca-te nelas e esquece o resto.
É para ai que tens que direccionar a tua atenção, por isso vai pesquisar e ver fotografias para perceberes o que deves e não deves fazer.

7 - Fotografa muito.
A fotografar é que se aprende! Pega em ti e na tua câmera e sai para a rua (ou não). Inventa muito. Se possível podes tentar andar com a câmera sempre atrás de ti e fotografa quando achares que é interessante. 


8- Edição fotográfica
Por ultimo e igualmente importante, a edição... não significa que seja um assunto que tenhas que aprender em primeiro plano, mas saber editar uma fotografia (num programa de edição decente, por favor) é bastante importante.
Não é necessário seres um pró, mas pequenos retoques fazem toda a diferença numa imagem, e podem fazer a diferença entre uma imagem banal, e uma imagem apelativa aos nossos olhos.


E o mais importante disto tudo, se gostas mesmo NUNCA DESISTAS!


Aqui fica um POST anterior, também com dicas para criar uma boa fotografia!

Até breve!





segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Fotografar com luzinhas


Olá!

Hoje venho-vos escrever um pouco sobre a ultima sessão que tive!




Usar luzes nas fotografias....
Esta é sem duvida uma nova "moda" que temos encontrado no trabalho de alguns fotógrafos. 

E como tal eu decidi experimentar!

Como tinha adquirido na primark umas luzes portáteis para o meu quarto, aproveitei e decidi incluí-las numa sessão.
Não tirámos muitas fotos, até porque o dia não foi o melhor para fotografar, chovia sem parar, e acabámos a sessão encharcadas. 
No entanto, apesar disso, acho que o dia estava lindo (sim estava bastante nublado, e sem sol, mas acreditem... estava lindo).

Encontramo-nos no atelier da maquilhadora às 2h, para tratar das make up, e saímos para a rua por volta das 4h.
No entanto para usar as luzes ainda era cedo, pois ainda estava muita luz.
Começamos a fotografar com elas por volta das 5h30. 
Ao final do dia, quando começa a escurecer, é a melhor altura para usar as luzinhas para umas brincadeiras!

Desculpem a qualidade de imagem. Mas foi tirada com um telemóvel e a luz já não era muita.


Fotografei esta sessão com uma 50mm, por ser uma objectiva mais luminosa e abrir até 1.8mm.

Em todas as imagens usei um f/2.5 e ISO 800
fui mudando a velocidade entre 1/100 e 1/125.









No final foi escolher as melhores imagens e tratar das edições. Aqui ficam uns Antes/Depois para verem diferenças.




E aqui fica o resultado final!
Foram cerca de 20min a fotografar com as luzes, e no geral acho que deu um efeito muito giro.
Sem duvida algo a repetir.
O que acharam?

Até breve!




domingo, 29 de janeiro de 2017

Inspirações II






Olá olá! :)
O post que vos trago hoje é um "2.0" de uma publicação que fiz em 2013, com as minhas inspirações da altura. AQUI fica o mesmo.

De 2013 até hoje, foram vários os fotógrafos novos que fui conhecendo, e como tal, muitos deles se tornaram uma inspiração para mim! 
É bastante importante procurar fotógrafos, e ver trabalhos novos, pois é fundamental para a nossa evolução conhecer o trabalho de outros artistas. 
Sendo assim decidi recolher uma pequena lista de fotógrafos que têm um trabalho fantástico, e se destacam nesta área.

Aqui estão eles:

Amanda Diaz - Canada 

Como podem perceber pelo trabalho dela, a produção fotográfica e edição é enorme, e isso é que torna estas fotografias fantásticas e mágicas. 




Carla Pires - Portugal - website

Já conheço o trabalho da Carla há uns anos e adoro. Recentemente tive o prazer de a conhecer, e de a ter como minha professora de fotografia de moda na ETIC, e foi uma experiência fantástica. 




Carla Portugal - Portugal 

A Carla é irmã do João Portugal, fotografo que eu referi no post de 2013, e como é óbvio neste caso talento é de família!
O trabalho da Carla destinge-se pelas fotos de crianças e família


Julia Trotti - Austrália

Acho que a única coisa que tenho a dizer é: ADORO!


Madalena Tavares - Portugal

Adoro o trabalho da Madalena, principalmente na área dos casamentos. Mas todo ele vale a pena ser visto. 



Ricardo Silva - Talesoflight - Portugal

 O trabalho do Ricardo é só MÁGICO. Quando o descobri fiquei simplesmente apaixonada por cada fotografia que ele faz. O melhor é verem vocês!





E terminei por agora, aqui fica a minha selecção!
Sem duvida existem mais fotógrafos que eu adoro, mas quando pensei em fazer este post, foram estes que me vieram logo à cabeça.
Quem sabe daqui a uns tempos volte a fazer algo do género. 
Até breve.




sábado, 21 de janeiro de 2017

A minha evolução


Pois bem, como nenhum fotógrafo nasce ensinado, todos nós passamos por um processo de desenvolvimento e evolução fotográfica, como em tudo na vida, hoje decidi contar um bocadinho a minha história, falando da minha evolução...



Se me perguntarem quando comecei a fotografar, sinceramente já não sei responder ao certo a essa questão, talvez uns 9 anos.  

Começou tudo na brincadeira, e naquela altura nunca pensei que este seria o meu percurso. Começou com um telemóvel... sim um telemóvel, e imaginem a qualidade de imagem comparada com os telemóveis de agora.
Tirar fotos com os meus amigos, e aos meus amigos era uma constante.
Depois com o meu primeiro trabalho de verão decidi comprar uma pequena compacta HP, com 6 mp, aqui ficam com uma amostra da mesma... 

Sinceramente não sei se existe alguma fotografia que valha a pena ser vista, tirada com esta menina. 

Mas pronto... o tempo foi passando, e senti a necessidade de uma câmera melhor, foi então que recebi no natal, depois de a andar a namorar, uma fujifilm finepix (a única que já não está comigo).

Mais um pulo no material fotográfico e mais um pulo no meu interesse nesta área. Na altura o que eu costumava fotografar eram fotos entre mim e os meus amigos, e paisagens e coisas do género.

O maior pulo sem dúvida quando passei de uma bridge para uma reflex. Ter uma câmera que possibilita a troca de objectivas, foi uma grande ajuda na minha evolução. Entrei assim no mundo da Canon, com uma 450D.
Os próximos updates de material foram seguidamente as objectivas, pois ninguém merece trabalhar com uma 18-55mm. :p

Foi altura de incluir no material uma 70-200, e a fantástica 50mm que é uma objectiva obrigatória para qualquer fotografo!

Para um fotografo a questão material ajuda imenso, principalmente quando falamos na qualidade de imagem, mas sem dúvida, que não é o material que faz o fotografo.


Uma ajuda fundamental para mim, foi ver diariamente fotografias de vários fotógrafos, e fotografar muito. (Façam o mesmo!)

Mais tarde adquiri uma full frame (a minha câmera actual) e uma 16-35mm, que me ajuda no que toca a fotografar paisagem e eventos.

Além disto, licenciei-me em fotografia, no Instituto Politécnico de Tomar,  onde aprendi imenso, e após isso decidi tirar uma curso anual na ETIC em Lisboa.
Estes 4 anos de aprendizagem foram uma mais valia para o meu trabalho, o que me fez crescer muito enquanto fotografa e pessoa. Se tiverem a oportunidade de o fazer, FAÇAM. 
Tenho a certeza que se não fosse isso, não tinha desenvolvido alguns trabalhos que eu gosto muito!


Deixo aqui por curiosidade algumas fotografias que desenvolvi na licenciatura e no curso anual.




Após ter falado um pouco deste processo, nada melhor do que verem fotografias para verem a minha evolução aos longo dos anos...

Só vos mostro a partir de 2010! :P

2010



2011


2012


2013


2014

2015


2016




E pronto! O que acharam?
Gostavam de saber mais alguma coisa?

Até breve.